SOLANO BRUM,O PÁSSARO  CANTOR
AMOR PERFEITO
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

TEMA N. 15

                                                 “ se a visão deste bordão
                                                 estiver com a verdade,
                                                 meu nome e minha fama
                                                 viverão na eternidade.”
                                                                  (Metamorfose) – Ovídio.


TEMA N. 15

“Como quem tenta traduzir os cantos
de algum Aedo e sua lira,
ouço sussurros bem perto do ouvido
supondo ser a voz de Ovídio.”

Canta sonhador!

Faça pousar sobre a minha,
esta tua mão de poeta,
com que na vida,
tanto prazer lhe trouxe!
….................................................................................


A FÊNIX

Após cinco séculos vividos,
Ela ergue os olhos... Da tocha,
a vermelhidão...
E num mágico salto,
suas asas,
de par em par,
vencem
num só voo
os espaços desmedidos...

Faz-se fogo, torna-se brasa e após, carvão...
E lá de dentro do incandescente
astro Rei,
retorna a emplumada
a terra...

Espanta-se quem a vê!
…....................................................................
Fale-me desse pássaro
Poeta!

Mas,
somente o fato
qual não me foi dado conhecer,
para que este poema – como os teus, solenemente -
passe à história depois que eu morrer!
                 = = = = = = =

                                                              
Solano Brum
Solano Brum
Enviado por Solano Brum em 12/05/2016


Comentários