SOLANO BRUM,O PÁSSARO  CANTOR
AMOR PERFEITO
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos





              MARINHEIRO

                                    Solano Brum

Estou triste! O dia amanheceu triste!
Há um sopro de desventura e solidão
Permanente à minha volta e resiste
Em não sair... É demais essa aflição!

Ah, poeta da tristeza! Por que insiste
Tua alma, nesta louca peregrinação?
Só tu sabes o porquê de seres triste...
Deite ao mar tua escuna, e, por opção,

Busca teu sonho! Se a Deusa canta,
Vá por onde teu coração aponta...
É o sul das aventuras, teu navegar!

Deixe no cais o pranto, a desventura...
Talvez, nas espumas de real brancura,
Terás a amada por quem preside o mar!

                         = = = = = =


Presidir: - Ocupar a presidência.
e quem ocupa o trono na presidência do mar, é Netuno.


                                                              INTERAÇÕES

OBRIGADO, TROVADOR DAS  ALTEROSAS !

                      Nunca se arrisque em treta
                     Pois poeta é dono da magia
                    Sua espada é sempre caneta
                     Sua guerra feita com poesia.

*******************************************************************************


**************************************************************************
Solano Brum
Enviado por Solano Brum em 21/10/2019
Alterado em 23/10/2019


Comentários